segunda-feira, 3 de junho de 2019

Espaçamento de textos: nos domínios do kerning e tracking



Hoje vou falar sobre espaçamento de textos. Quando falamos de um software de layout gráfico, a aparência e organização dos textos é tão primordial que as vezes isso implica em fazer até pequenos ajustes a nível de letras, ou mais especificamente o espaçamento entre elas.

No linguajar tipográfico, isso é chamado de kerning e tracking. No Scribus, a janela de propriedades oferece a ferramenta para ambos os ajustes e eles podem ser feitos por um único controle dentro das configurações avançadas da guia texto.



Para um maior entendimento sobre este assunto, assista o vídeo abaixo:


O kerning refere-se ao ajuste de espaço entre um par de caracteres específicos. Já o tracking cuida do ajuste de espaço entre um grupo de caracteres selecionados em um bloco de texto, podendo ser 3... 5... 10… caracteres, algumas  palavras, frases, parágrafos ou o bloco de texto inteiro.

Um dos usos mais comuns do tracking é a eliminação de linhas órfãs, viúvas e enforcadas - que são problemas tipográficos bastante comuns e indesejados. A órfã é a primeira linha de um parágrafo que fica sozinha na parte inferior de uma página ou coluna. Já a viúva é a última linha de um parágrafo ou uma palavra que é impressa sozinha na parte superior de uma página ou coluna. Numa analogia com a vida real, ambas são linhas que ficaram desamparadas - no caso, do restante do texto. Uma é deixada abandonada logo no início e outra no final e por isso os apelidos de linhas órfãs e viúvas. Por fim, há também as linhas enforcadas que são sobras de um pedaço de palavra deixadas no fim de um parágrafo, após uma hifenização. Deixar tais linhas sozinhas são consideradas inaceitáveis na diagramação de qualquer publicação e devem ser corrigidas. Uma pequena mexida no tracking já é suficiente para resolver esses casos.

Já o objetivo do kerning é criar um ritmo consistente de espaços entre todas as possíveis combinações de letras, criando uma legibilidade muito maior ao texto. Hoje com as fontes digitais, você não precisa se preocupar em fazer ajustes nesse tipo de espaçamento. A maioria das fontes são projetadas com esse trabalho realizado e as informações de espaçamento é absolutamente preciso, já vindo cuidadosamente calculadas e inseridas no próprio arquivo da fonte. É o que chamamos de kerning métrico e o Scribus já usa isso como padrão nos seus textos.

Portanto, você só irá usar ajustes nos espaçamentos das letras onde há uma visível necessidade, como no exemplo citado de linhas órfãs e viúvas. Entretanto, no caso do tracking, aqui vai uma advertência: é preciso tomar o máximo cuidado com valores negativos. Muitas pessoas usam a ferramenta de espaçamento como recurso para ganhar espaço numa página, e isso é um grande erro. Para evitar a tentação quase irresistível de estrangular um texto para fazê-lo entrar num espaço menor do que deveria, devemos sempre nos lembrar que quando os pés não conseguem entrar direito dentro de um sapato, sempre ajustamos o tamanho dos sapatos e não o tamanho dos pés.


Assine nossa newsletter!

Quer receber as novidades mais recentes do Blog Valeu Cara na sua caixa de entrada?
Informe seu e-mail e clique em Assinar.

Assine o feed RSS Siga o Blog Valeu Cara no Twitter Curta o Blog Valeu Cara no Facebook Canal do Blog Valeu Cara no YouTube





Participe deixando seu comentário, dúvida, sugestão, ideias, críticas, exemplos ou o que você quiser na parte de comentários desta postagem. Sua participação é extremamente importante para que este blog esteja sempre melhorando o seu conteúdo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

::Regras::
1. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais ao autor e aos leitores;
2. Não serão aceitos comentários agressivos;
3. Spams serão deletados;
4. Para deixar alguma URL cite maiores detalhes do que se trata;
5. Lembre-se: aqui é um lugar para pessoas civilizadas.

OBS: Os comentários não refletem as opiniões do editor.